João Pessoa, 22 de outubro de 2017 | --ºC / --ºC Dólar - Euro

ÚltimaHora
NA SÍRIA

Troca de medicamento teria causado mortes de crianças após vacinação

Comentários:
publicado em 19/09/2014 às 07h51

Os médicos que realizam um programa de vacinação em território controlado pelos rebeldes no Norte da Síria teriam administrado acidentalmente um relaxante muscular para até 75 crianças, matando 15 delas, informaram opositores ao regime do presidente Bashar al-Assad. Após os óbitos, o programa de vacinação foi suspenso.
 

Uma investigação preliminar da Coalizão Nacional apontou que um relaxante muscular em pacote semelhante ao da substância originalmente usada para diluir a vacina foi usado na segunda aplicação das doses na província de Idlib, informou Mohammed Saad, da diretoria de saúde do governo interino de oposição da Síria.
– A investigação está em curso para encontrar quem é o responsável – ressaltou Saad.

A Organização Mundial de Saúde (OMS) informou que "disponibilizou uma equipe de especialistas para garantir assistência na investigação do incidente", mas ressaltou que é vital que os esforços para a imunização sejam retomados na Síria assim que possível. A segunda rodada da vacinação contra o sarampo havia começado em Idlib e Deir ez Zor na segunda-feira.

Yahoo

Leia Também