João Pessoa, 27 de julho de 2017 | --ºC / --ºC Dólar - Euro

ÚltimaHora

Jornalista desde 2007 pela UFPB. Filho de Marizópolis, Sertão da Paraíba. Colunista, apresentador de rádio e TV. Contato com a Coluna: heroncid@gmail.com

O quadro da Politika

Comentários:
publicado em 22/06/2011 às 09h13
A- A+

Muita água ainda vai rolar, mas os números do Instituto Op-Data, divulgados ontem pela Revista Politika, delineiam um cenário preliminar da disputa que se avizinha nas oito principais cidades da Paraíba e deixa algumas pistas.

Em João Pessoa, José Maranhão (18,8) aparece como o candidato mais forte da Oposição, seguido de Cícero Lucena (15,01). Um dado que alenta o bloco oposicionista e deve resultar em pressão para que o ex-governador assuma a candidatura.

Empatado com Maranhão, Agra figura relativamente bem, porque o seu maior cabo eleitoral, o governador Ricardo Coutinho, enfrenta a fase mais desgastante da gestão. Por ter rejeição bem inferior aos seus principais opositores, Luciano tem ampla possibilidade de crescimento, especialmente o Governo superar as turbulências.

Em Campina Grande, o extrato do resultado revela larga vantagem do grupo Cunha Lima na disputa. Diogo (24,75), Rômulo Gouveia (18,04) e Romero Rodrigues (11,11) dominam as intenções de voto na Rainha da Borborema.

Os nomes ligados ao prefeito Veneziano aparecem timidamente. Os dados apontam que a melhor estratégia de Vené seria juntar o seu bloco em torno de um candidato e provocar o confronto direto, como tem advogado o senador Vital Filho.Nessa linha, a deputada Daniella Ribeiro (12,54) se apresenta com maior viabilidade.

A reboque –
À exceção de João Pessoa, o PSB, do governador Ricardo, não desponta com candidatura forte em nenhuma das sete maiores cidades da Paraíba.

Rejeição –
A Politika não publicou, mas a coluna teve acesso. Cícero apresenta a maior rejeição, seguido de Maranhão. Ambos ficam distantes de Agra nesse quesito.

Renovação, novidade e surpresas –
Os ventos soprados pela eleição de 2010 podem impulsionar candidatos com perfil de renovação. Em Santa Rita, Adones Júnior se consolida como opção contra Reginaldo. Carlos Rafael chega a 23% em Cajazeiras, Cariolando Félix (9,57%) e Trócolli Júnior (7,25%) surgem como novidades em Bayeux e Cabedelo, respectivamente.

A leitura de Agra –
“Esses números representam o nosso esforço a frente da Prefeitura de João Pessoa, mas continuo focado na Administração da cidade”, avaliou o prefeito Luciano Agra (PSB), ressaltando a vitória registrada sobre dois caciques da política paraibana.

A leitura do cicerismo –
O vereador Marcus Vinicius (PSDB) minimizou os números da Politika e garantiu à coluna que pesquisas internas mostram o inverso: Cícero Lucena em primeiro, Maranhão em segundo e Luciano Agra na terceira colocação.

A euforia de Milanez –
Para o vereador Fernando Milanez (PMDB), a ascensão de Maranhão na pesquisa não lhe surpreende. “A soma de todos nós da Oposição é um massacre”.

Entrando água –
O deputado André Gadelha (PMDB) comemorou a dianteira (33,64) em Sousa. Acha que a reeleição de Fábio Tyrone (33,42) está com a canoa quebrada.

Quentura –
A disputa em Patos será quente como o clima da cidade. Na frente, Dinaldo Filho com 29,04%. O vice-prefeito Ivânio Ramalho tem 25,96%.

Alavantum –
Mensagem enviada à coluna pela petista Giucélia Figueiredo (0,33). “Foi um presente de São João ter meu nome citado na pesquisa de Bayeux”.

Aliança
O prefeito Luciano Agra acredita em facilidade na costura de apoio do PT à sua reeleição. “Tenho uma relação de alto nível com Luiz Couto”.

Entrelinhas –
Na ágora paraibana ninguém duvida. Se lançar o filho Diogo em Campina, Cássio estará mandando um claro recado a Ricardo: será candidato em 2014.

Semente lançada –
Pra tristeza do vereador Tavinho Santos, o presidente do PTB, Armando Abílio, teve recente conversa de três horas com uma pétala do girassol.

Bate-boca –
A criação dos sistemas de parques de João Pessoa continua rendendo. Ontem, Tavinho chamou Sérgio da Sac de mentiroso. “Cínico é ele”, reagiu Sérgio.

O que ela quis dizer?
Na disputa pela vice de Luciano Agra, a vereadora Raíssa Lacerda (PSD) acredita que seu nome e perfil deixariam a chapa socialista mais leve.

Aprovação –
O Portal MaisPB publica hoje a avaliação dos governos nas oito principais cidades da Paraíba, encomendada pela Revista Politika ao Instituto Op-Data.

PINGO QUENTE – “O remédio da gente é dinheiro”. Do vereador pessoense João dos Santos (PR), logo depois de confirmar licença para tratamento de saúde.