João Pessoa, 12 de dezembro de 2017 | --ºC / --ºC Dólar - Euro

ÚltimaHora
EM CAMPINA GRANDE

Expopão pretende movimentar mais de R$ 4 milhões em negócios

Comentários:
publicado em 17/10/2014 às 10h15

Com novo formato e expectativa de bater recorde de público, a edição 2014 da Expopão deverá movimentar aproximadamente R$ 4 milhões em negócios até o próximo sábado, 18, em Campina Grande. Este ano a feira aborda a temática “Padaria Conceito: Uma nova estrutura de negócio” e está sendo realizada na sede da Federação das Indústrias do Estado da Paraíba (FIEP).

Durante todo o evento, o Sebrae estará oferecendo capacitações em uma área voltada para o setor de desenvolvimento de negócio. “Esse stand fica aberto durante todo o período da feira e o empresário que chegar lá pode buscar consultorias voltadas ao setor”, disse Antônio Felinto Neto, gerente da agência Sebrae em Campina Grande.

A programação da Expopão inclui, além de palestras, oficinas, aulas show, mostra de maquinário e consultorias. “A estimativa é de que mais de três mil pessoas participem da programação”, afirmou a coordenadora do evento, Raquel Leal de Almeida.

Um total de 45 expositores de São Paulo, Paraíba, Pernambuco e Bahia trouxeram para o evento as principais tendências para o ramo de panificação e confeitaria. Em sua terceira edição o evento traz novidades, entre elas a “Carreta de Panificação”, uma unidade móvel equipada com produtos de ponta onde serão realizados cursos e ainda um centro de aulas do núcleo de alimentos do Senai Stênio Lopes, onde serão realizadas cinco aulas temáticas.

Os participantes tem opção de assistir aulas, oficinas, entrar em contato direto com fornecedores e empresas do setor de automação industrial e com o próprio Sindicato da Industria de Panificação e Confeitaria de Campina Grande (SINDIPAN-CG), que realiza o evento. “O mercado paraibano tem sido bem procurado, existem algumas carências em relação ao fornecimento de materiais e com isso viemos para cá com o objetivo de fechar negócios, pois sabemos que é uma área promissora e que tem tudo para crescer ainda mais”, disse Marcos Cardoso, diretor comercial de uma empresa de aditivos para panificação da Bahia.

De acordo com o Sindicato das Indústrias de Panificação da Paraíba, em todo o Estado funcionam em média 1,3 mil estabelecimentos e o setor emprega diretamente 10 mil pessoas. A ideia é que tanto empresários como os trabalhadores possam aperfeiçoar técnicas e modernizar o funcionamento desses locais para aquecer ainda mais a economia. “São 40 stands com propostas variadas que vão desde consultorias a espaço para aulas, exibição de padaria conceito, produtos refinados e tudo o que estiver ligado à inovação. Tantos os empresários quanto as pessoas que trabalham nesse ramo poderão ter contato direto com as principais tendências do mercado”, explica Raquel Almeida.

Um dos destaques da III Expopão será a apresentação de um prato desenvolvido na Paraíba que irá representar o Estado em uma competição nacional, o Gran Chefs. A ação será no sábado, às 17h. “Vamos apresentar a Empanada do Brejo, uma receita que ficou entre as 10 selecionadas em meio a seis mil inscritos para o concurso. Uma verdadeira honra para nós. Nesse prato misturamos elementos típicos, regionais, entre eles a banana e a geleia de umbu”, disse Ricardo Cândido, supervisor de alimentos do Senai Paraíba.

Investimentos e mão de obra qualificada podem acelerar crescimento no setor
A palestra de abertura da Expopão contou com a presença do presidente da FIEP, Francisco Buega Gadelha, e de Emerson Amaral, vice-presidente do Instituto Tecnológico de Panificação e Confeitaria (ITPC). O especialista comentou que em 2013 o setor apresentou um crescimento de 8,7%. O valor ficou abaixo da média registrada nos últimos anos. “Um dos fatores para isso acontecer é justamente a falta de mão de obra qualificada, pois as empresas não tem como registrar crescimento em vendas se não atende a demanda. Além disso, há certa dificuldade por parte do empresário em investir”, disse.

Segundo ele, os proprietários desse tipo de estabelecimento devem apostar nos processos de gestão, além de qualificar a equipe de trabalho e estar atento às tendências do mercado. “As padarias hoje tem outro perfil, elas agora são consideradas centros gastronômicos. Com isso é ampliado o mix de produtos e serviços oferecidos”, falou.

A Expopão funciona das 14h até às 22h30 e o credenciamento é gratuito. Mais informações podem ser obtidas pelos telefones (83)2101-5321 ou 2101-5334.

PROGRAMAÇÃO


SEXTA (17)

14h – Credenciamento
14h – Aula Show – Tema: macarron
17h – Aula Show – Tema: Sobremesas
17h30 – Palestra técnica com Rose Guareschi (diretora da Abrasel)
18h – Aula Show – Pizzaterapia
20h – Aula Show com Promix
22h30 – Encerramento

SÁBADO (18)

15H30 – Exposição e oficinas técnicas
17h – Gran Chefs 2014 – Tema: Empanada do Brejo
19h – Aula Show Promix
22h – Encerramento

MaisPB com assessoria

Leia Também