João Pessoa, 20 de outubro de 2017 | --ºC / --ºC Dólar - Euro

ÚltimaHora
AGRESSIVA

Para defender irmão acusado de tráfico, moça morde três PMs e acaba detida em JP

Comentários:
publicado em 24/10/2014 às 13h58

Três policiais militares foram mordidos por uma menor de 16 anos na noite desta quarta-feira (23), no bairro do Cristo Redentor, em João Pessoa.

O fato ocorreu na comunidade Riacho Doce após os policias abordarem um jovem de 18 anos que estava com uma certa quantidade de cocaína e dinheiro trocado.

A menor, que se intitulou irmã do acusado, assumiu ser dona do entorpecente e disse que iria vender o mesmo na comunidade Boa Esperança, no Cristo.

A adolescente quis evitar que o irmão fosse preso e chegou a agredir os policias com mordidas. A viatura da Polícia Militar chegou a ser apedrejada.

O tenente Diego Cassol, que foi mordido duas vezes, narrou parte da cena inusitada.

“A situação começou no momento em que prendemos o rapaz, que integra o tráfico de drogas na comunidade. Ocorreu toda essa manifestação de simpatizantes do homem. A população reagiu apedrejou uma viatura. A irmã do suspeito se agarrou com a gente e mordeu. Ela foi detida e afirmou que a droga era dela”, confirmou o tenente, que foi ferido na mão.

Com sangramento, os policiais militares foram levados para o Hospital de Doenças Infectocontagiosas Clementino Fraga, em Jaguaribe, onde foram medicados.

Eles vão ficar durante 28 dias tomando 6 coquetéis por dia de combate ao HIV e outras doenças venéreas.

A menor foi levada para a Delegacia da Infância e Juventude. Ela vai ser apresentada ao Ministério Público na manhã desta sexta-feira (24). O jovem foi levado para a 9ª Delegacia Distrital, em Mangabeira, onde será levado para um dos presídios de João Pessoa.

MaisPB

Leia Também