João Pessoa, 23 de junho de 2017 | --ºC / --ºC 03:26 - 2.5 | 09:41 - 0.1 | 15:56 - 2.5 | 21:58 - 0.2 Dólar 3,33 - Euro 3,73

ÚltimaHora

Jornalista desde 2007 pela UFPB. Filho de Marizópolis, Sertão da Paraíba. Colunista, apresentador de rádio e TV. Contato com a Coluna: heroncid@gmail.com

Neutralidade

Comentários:
publicado em 15/11/2011 às 13h36
A- A+

E se o senador Cássio Cunha Lima realmente adotar postura de neutralidade nas eleições municipais de João Pessoa, como ele próprio cogitou em recente entrevista, para não desagradar o seu companheiro de partido Cícero Lucena e evitar melindre na relação com os atuais aliados Luciano Agra e Ricardo Coutinho?

A priori, pode ser a saída honrosa do senador tucano e a que menos lhe acumularia dissabores. Daria uma satisfação e manifestaria respeito ao PSDB e não contrariaria explicitamente a aliança firmada com o PSB e o jardim girassol.

Mas não é tão simples assim, como parece. Por isso mesmo, Cássio vai esgotar todas as possibilidades de diálogo e aguardar as fases do processo, sem atropelo ou precipitação. Nesse quesito, ninguém joga melhor que ele.

O deslinde dessa questão deve passar pelo destino da presidência estadual do PSDB. Uma coisa será a postura de Cássio investido da condição de dirigente oficial da legenda e outra será ele maior líder do partido, porém convivendo sob a subordinação partidária de Cícero.

E se, vigorando a tese da neutralidade, o PSB de Ricardo Coutinho, assim como Cássio, decidir adotar idêntica estratégia e não se envolver na campanha do PSDB em Campina? Apesar do PSB ser o dono da caneta estadual, dizem que o tamanho do partido na cidade não fede, nem cheira e nem faz diferença. Será?

Casquinha
O deputado Anísio Maia é diligente. O petista aproveitou a crise entre o secretário Lucius Fabiani e setores da base governista para estimular o rompimento.

Interesse
“Lucius, você está sendo usado. Eles estão deixando você sozinho”, sugeriu Anísio. Pra quem não sabe, Lucius tem votos decisivos no diretório do PT de João Pessoa.

Agra: “Não controlo briga de sócios”
O prefeito Luciano Agra (PSB) não titubeou ao ser questionado sobre a denúncia do empresário Daniel Gonçalves à Época, insinuando pagamento irregular ao representante da empresa New Life, referente à compra de livros. “A Prefeitura agiu conforme manda a legislação. Não temos controle sobre briga de sócios”.

Prefeito vê “orquestração”
Luciano enxerga conotação política e interesse eleitoreiro como pano de fundo da reportagem, baseada num vídeo do dono da New Life, que acusa o “sócio” de não lhe repassar o pagamento da venda. “Esse episódio é mais uma orquestração para atingir o Governo de João Pessoa”.

Hora de marchar
O Movimento Nas Ruas Paraíba, com o apoio da OAB, realiza a Marcha contra a Corrupção, às 16h de hoje, no Busto de Tamandaré. Segundo Antônio Mariz Maia, um dos organizadores do evento, o protesto servirá de alerta geral aos políticos que esnobam da inteligência popular.

Voto e lei
O presidente da OAB na Paraíba, Odon Bezerra, desmorona com fácil argumento o discurso de que a Justiça não pode se sobrepor à vontade do povo.

Blefe
“Democracia é também respeito às leis do País”, prega Odon Bezerra, desfazendo a tese populista de que basta quantidade de votos para o mandato ser legitimado.

Retrospectiva
O prefeito Veneziano Vital (PMDB) deu sua alfinetada de leve em Cássio. “Espero que ele faça por Campina Grande o que não fez como governador do Estado”.

Ungido
“É um homem honesto, probo, competente, que já deu provas disso”. Do senador Cássio, reiterando voto e apoio ao deputado Romero Rodrigues (PSDB).

Faxina
O presidente da Assembléia, Ricardo Marcelo, chamou atenção dos colegas para a proximidade do fim do recesso e a necessidade de se limpar a pauta na Casa.

Modelo
Projeto do PAC Sanhauã, na Ilha do Bispo, colocou a Prefeitura de João Pessoa entre os 35 finalistas do Prêmio Melhores Práticas, da Caixa Econômica Federal.

18 mil casas
Revelação do secretário da Habitação, José Guilherme. Até o final de 2012, os governos do PSB terão entregue 12 mil casas e deixarão outras seis mil em construção.

Legalidade
Por que a Justiça da Paraíba demora tanto para se pronunciar, definitivamente, sobre a greve do Fisco, cujos efeitos atingem diversos segmentos da coletividade?

Alô Capitania
Se por terra a Lei Seca é um risco n’água, no mar a coisa é bem pior. Em Camboinha, banhistas guiam suas potentes lanchas com garrafas de cerveja na mão.

Pra anotar
Alvo de seu ex-sócio da New Life e apontado como sacador ilegal do cheque emitido pela Prefeitura de João Pessoa, Pietro Harley Félix vai quebrar o silêncio.

PINGO QUENTE“Segunda-feira já é dura, quando imprensada então nem se fala…”Do deputado Efraim Filho (DEM), reclamando do recomeço de semana. E olhe que político pode se dar ao luxo de bater o ponto só nos dias de sessão, bem diferente do mortal trabalhador.

*Reprodução do Jornal Correio da Paraíba

 

Leia Também