João Pessoa, 24 de abril de 2017 | --ºC / --ºC 02:39 - 2.4 | 08:43 - 0.3 | 14:56 - 2.5 | 21:02 - 0.1 $ Dólar 3,12 - € Euro 3,39

ÚltimaHora

Administrador, pós-graduado em Planejamento Operativo, já atuou na administração pública federal, estadual e municipal. Ocupou por três mandatos o cargo de presidente do CRA-PB e de diretor do Conselho Federal de Administração. Desde 1993 exerce as funções de Diretor Executivo da AETC-JP. Contato: diretorexecutivoaetc@yahoo.com.br

Ricardo & prefeitos: reunião eficaz?

Comentários:
17/02/2013 às 14h38
A- A+

Recentemente escrevi artigo de título “Dilma & prefeitos: reunião eficaz?” no qual expressei minha frustração tanto em relação à reunião de 2010 (Lula) quanto da de janeiro/2013 (Dilma), da Presidência da República com mais de quatro mil prefeitos brasileiros. Dois amigos leitores provocaram-me, questionando-me: “E agora, a reunião de Ricardo Coutinho com os prefeitos paraibanos, você acha que resultará eficaz?”!…

Esses amigos leitores referiam-se ao “Encontro Estadual de Prefeitos – Paraíba Cresce Unida”, com realização nesta segunda-feira 18 de fevereiro, manhã e tarde, organizada pelo Governo do Estado, cujo convite justificou-a como sendo para “planejar o futuro da Paraíba”.

Uma reunião assim, para planejar o futuro da Paraíba, já se apresenta como promissora! O desafio é quanto se sua metodologia vai permitir, mesmo, que dela saiam os resultados que levem a alcançar esse objetivo de um planejamento visando nosso futuro, a fim de que “a Paraíba cresça unida”, o que quer dizer buscando o real desenvolvimento que evita a concentração do crescimento e por conseguinte possibilita melhor distribuição de renda espalhada por todos nossos 223 municípios.

Esse “Encontro Estadual de Prefeitos”, em sua programação do dia 18 de fevereiro, apresenta-se promissor – repita-se – e pode resultar eficaz se se constituir em apenas um de vários outros encontros que tenham sequência como que rotineiros, entre essas duas esferas de governo.

Para fazer-se real planejamento é preciso pesquisar, auscultar as partes envolvidas. E, segundo a programação desse Encontro do dia 18, só quem faz suas justificativas e intenções, especialmente sobre programas setoriais como os do Pacto para o Desenvolvimento Social, Orçamento Democrático, Empreender, Cooperar, Funcep e Sistema de Defesa Agropecuária, é o Governo do Estado. Da parte dos Municípios, pareceu que um único prefeito, que é o presidente da Famup, Buda Germano, expõe sobre “Modernização da Gestão Pública Municipal”, mas, neste caso, devendo corresponder à sua experiência como gestor da cidade de Picuí.

Anima-me que auxiliando o Governo RC, no Planejamento, esteja o administrador Gustavo Nogueira, que, como ele próprio já disse, a intenção é alinhar com os municípios as políticas públicas desenvolvidas pela administração estadual, buscando atender “a necessidade de cada região”. Para atender a necessidade de cada região – ele sabe, faz-se necessário ouvi-las. Por isto, acredito ser este Encontro a 1ª reunião de uma série para que a “Paraíba Cresça Unida”. E aí, nessas reuniões, os municípios sejam ouvidos e a eles dito, antecipadamente, o “quantum específico” que podem receber mediante “projetos específicos”. Mas, já se garantindo, a cada um, que lhe está reservada uma parte do bolo, e o compromisso de ajudá-lo na elaboração dos projetos que garantam não ficar excluído dos benefícios
 

Leia Também

O(s) “outros olhares” do governador

Recentemente escrevi artigo de título “Dilma & prefeitos: reunião eficaz?” no qual expressei minha frustração tanto em relação à reunião de 2010 (Lula) quanto da de janeiro/2013 (Dilma), da Presidência […]

Dilma & prefeitos: reunião eficaz?

Recentemente escrevi artigo de título “Dilma & prefeitos: reunião eficaz?” no qual expressei minha frustração tanto em relação à reunião de 2010 (Lula) quanto da de janeiro/2013 (Dilma), da Presidência […]