João Pessoa, 20 de janeiro de 2018 | --ºC / --ºC Dólar - Euro

ÚltimaHora
NESTA SEGUNDA

Funcionários da AeC realizam protesto por melhores salários

Comentários:
publicado em 24/11/2014 às 10h38

Funcionários da empresa de Call Center AeC iniciaram, na manhã desta segunda-feira (24), um protesto em frente à porta da empresa, que funciona no José Américo, para reivindicar melhores salários e condições de trabalho.

Informações dão conta que a empresa teria adiado para janeiro do próximo ano o reajuste dos salários que estava previsto para acontecer em setembro. Além disso, os funcionários se queixam da falta de condições de trabalho e da prática de assédio moral por parte dos coordenadores.

A AeC opera em João Pessoa e em Campina Grande. Na capital paraibana, a empresa possui duas unidades: uma no José Américo e a outra no bairro de Mangabeira.

Uma funcionária que não quis se identificar confirmou que a pressão dentro da empresa é muito grande. Ela disse que os funcionários são impedidos de atender os seus telefones celulares e têm apenas vinte minutos para almoçarem. “Além dos baixos salários, trabalhamos sob pressão”, revelou.

MaisPB

Leia Também