João Pessoa, 23 de agosto de 2017 | --ºC / --ºC Dólar - Euro

ÚltimaHora

Jornalista desde 2007 pela UFPB. Filho de Marizópolis, Sertão da Paraíba. Colunista, apresentador de rádio e TV. Contato com a Coluna: heroncid@gmail.com

PSB marca território

Comentários:
publicado em 16/05/2013 às 16h45
A- A+

Enquanto aliados se ouriçam na ansiedade e garimpo de espaços na chapa majoritária do grupo governista, o PSB, centro das decisões da composição, segue sem pressa de garantir ou rejeitar qualquer das pretensões postas na mesa. Afinal, quem tem prazo, tempo e, sobretudo, o poder não tem qualquer pressa mesmo.

O jardim dos girassóis acompanha detida e principalmente os faceiros movimentos do PSDB, do senador Cássio Cunha Lima, que condiciona a renovação da aliança à participação significativa na chapa que vai reivindicar ao povo paraibano a reeleição do governador Ricardo Coutinho.

O PSDB se mexe bem e sabe trabalhar como ninguém o suspense em torno do futuro de Cássio, que apesar de reiterar desinteresse na disputa de 2014, é alvo recorrente das manifestações de dirigentes do partido em apoio a uma possível candidatura ao Governo do Estado. Uma estratégia que atrai mídia e eleitores.

A julgar pelo o que tem pregado o seu presidente Edvaldo Rosas, o PSB não quer ficar refém de ninguém, ainda que seja o PSDB, de longe o mais forte e capilarizado aliado da base. Se Cássio diz que a aliança depende dos espaços, Edvaldo responde que só o governador Ricardo Coutinho tem papel garantido pro filme de 2014.

A fórmula da fala de Rosas tem dois princípios ativos: delimitar território mandando recado transversal de que pertence a Ricardo a prerrogativa de formatar a sua chapa e não a terceiros e que o assunto só será ventilado no momento apropriado para tal. Sem açodamentos, pressões ou faca no pescoço.

Solitários
Edvaldo Rosas soltou espinhos ontem ao dizer que somente Ruy Carneiro, presidente estadual do PSDB, e o senador Cícero Lucena (PSDB), defendem a tese de candidatura própria tucana com Cássio Cunha Lima na cabeça.

Estrangeiros
O dirigente estadual fez questão de frisar que os dois principais defensores dessa candidatura não votaram em Ricardo pra governador em 2010. Esse debate, observa Rosas, só tem sido feito por fofoqueiros e babões.

Ruy não deixa passar em branco
Direto de Miami (EUA), em missão parlamentar, Ruy Carneiro, presidente estadual do PSDB, refutou Rosas, em contato com o colunista: “Primeiro é importante que ele cuide do partido dele que nós cuidamos do nosso. Segundo, é um engano e imaturidade pensar que só quem defende a candidatura própria sou eu e Cícero. É sinal que ele está com estreita visão política”.

Prego batido
Conforme a Coluna vem informando em doses homeopáticas, o ex-prefeito Luciano Agra (sem partido) se filiará ao PV, partido que lhe garantiu controle e autonomia para fazer composições mais convenientes ao seu futuro.

Tentativa
Como estratégia para brecar a operação de Agra, alguns deputados governistas receberam, há poucos dias, sugestão vinda do Palácio da Redenção de filiação ao Partido Verde. Todos os consultados amarelaram…

Nova patente
O atual presidente do PV, Sargento Dênis, que pode virar soldado no partido, anda muito enigmático e silencioso quanto ao tema. Aos repórteres que lhe procuraram ontem, ele fez uma promessa intrigante: fala hoje.

Volta?
Setores da oposição, a começar pelo PT, vêem com desconfiança a opção de Agra pelo PV. Acham que a cartada pode ser o primeiro passo para uma porta aberta de reconciliação com as pétalas do jardim girassol.

Nem na peia
Em contato com a Coluna, um agrista influente afastou essa desconfiança, em que pese as precoces fissuras na relação com o PT e o prefeito Luciano Cartaxo. “A volta só se fosse por baixo de cipó de aroeira”, enunciou.

Nego potiguar
Rosalba Ciarlini (DEM), governadora do vizinho Rio Grande do Norte, recusou gravar mensagem contra Dilma para o programa do seu partido. “A presidente tem tido um tratamento realmente republicano”, justificou.

Causa
Em Brasília, o vice-prefeito Nonato Bandeira (MD) apresentou ao Ministério da Educação o projeto de construção do Centro Municipal de Referência para Inclusão da Pessoa com Deficiência. Nonato abraçou essa Bandeira.

Papando
O deputado Raniery Paulino emagreceu, mas no PMDB só vem engordando. Depois de abocanhar a liderança na Assembléia, ele será empossado hoje, às 15h, na presidência da Fundação Ulisses Guimarães, filial da Paraíba.

Caravana
Depois de um périplo pelo Vale do Piancó ontem, o ex-prefeito Veneziano Vital do Rêgo, pré-candidato a governador pelo PMDB, desembarca em João Pessoa hoje para uma entrevista ao Correio Debate (Correio Sat).

Plano A
Vez por outra lembrado como plano B do PMDB, o senador Vital do Rêgo voltou a afirmar que inexiste a tese de disputar o Governo. Veneziano é o nome referendado pelas cúpulas estadual e nacional, assegura Vital.

PINGO QUENTE
Se fosse um apelo do PSDB e do povo…”, do vice-prefeito de Campina Grande, Ronaldo Cunha Lima Filho, dizendo que não trabalha para ser vice na chapa do PSB, mas toparia se convocado.
 

Leia Também