João Pessoa, 25 de novembro de 2014 | --ºC / --ºC Dólar - Euro

ÚltimaHora
SEM DIÁLOGO

Raoni culpa Cartaxo por rotatividade no secretariado: “ele não despacha”

Comentários:
publicado em 25/11/2014 às 15h27

O vereador Raoni Mendes (PDT) culpou, nesta terça-feira (25), o prefeito Luciano Cartaxo (PT) pela grande rotatividade na sua equipe de auxiliares do primeiro escalão na Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP). Segundo ele, o prefeito não despacha com os secretários. Em contato com o Portal MaisPB, o parlamentar ainda criticou um suposto ecesso de poder dado ao chefe de gabinete do prefeito, Zenedy Bezerra.

“É notório a dificuldade dos auxiliares com o prefeito. Há uma grande rotatividade em seus secretários. Só a Secretária de Saúde, área essencial, já modificou três vezes. Me pergunto: são os secretários que não dão conta ou o prefeito que não despacha com seus auxiliares?”, indagou.

Hoje, Edilton Nóbrega informou que foi exonerado da secretaria de Meio Ambiente (Semam) da PMJP. Agora, com a confirmação de sua saída já são 12 os cargos de primeiro escalão vagos na gestão municipal.

Em contato com o Portal MaisPB, o ex-secretário revelou ter recebido um telefonema ontem (24) do chefe de gabinete da Prefeitura, Zenedy Bezerra, para lhe informar que seria exonerado pelo prefeito e disse ter ficado chateado por ter sido demitido via recado.

“Quando fui convidado, fui convidado pessoalmente, só fiquei surpreso por ter sido afastado através de recado, e isso me deixou indignado, mas saio com a sensação de dever cumprido”, disse.

Raoni também criticou o suposto excesso de poder de Zenedy Bezerra na PMJP, que, segundo ele, manda mais que o próprio prefeito.

“Cartaxo delega toda a responsabilidade a um só homem, o chefe de gabinete Zenedy tem mais poder que o prefeito”, alfinetou.

MaisPB

Leia Também