João Pessoa, 29 de maio de 2017 | --ºC / --ºC 00:36 - 0.3 | 06:56 - 2.5 | 13:11 - 0.2 | 19:34 - 2.3 Dólar 3,26 - Euro 3,65

ÚltimaHora

Jornalista desde 2007 pela UFPB. Filho de Marizópolis, Sertão da Paraíba. Colunista, apresentador de rádio e TV. Contato com a Coluna: heroncid@gmail.com

Desafio de Veneziano

Comentários:
publicado em 08/10/2013 às 16h35
A- A+

Política se faz além das palavras. São os movimentos e gestos que dão contorno e volume às pré-candidaturas. E em se tratando de eleição, o diálogo, conquista e a atração de partidos sempre funcionam como combustível a gerar expectativa de poder, reforçam as perspectivas de êxito e garantem viabilidade eleitoral.

Esse desafio está posto no caminho do ex-prefeito de Campina Grande, Veneziano Vital do Rêgo, candidato do PMDB ao Palácio da Redenção. Filiado a um partido com estrutura e ramificação Paraíba afora, Veneziano precisa daqui pra frente avançar na interlocução com demais partidos da oposição.

Até agora, o peemedebista não tem suplantado essa barreira. Os apoios declarados estão resumidos a PTC e PTN, partidos nanicos e sem grande expressão ou força capaz de potencializar no imaginário político a candidatura do PMDB, cujo candidato é dotado de reconhecido carisma pessoal e habilidade verbal.

Falta a Vené, como é carinhosamente chamado pelos correligionários e amigos mais próximos, a consolidação de adesões de partidos como o PR, do deputado Wellington Roberto, o taludo PEN, do presidente da Assembleia, Ricardo Marcelo, o PT, agora no comando da Prefeitura da Capital, o PSC, do ex-deputado Marcondes Gadelha, e o PP, do clã Ribeiro.

Enquanto não construir uma agenda de aproximação mais sólida e dela arrancar declarações de simpatia e inclinação pela sua candidatura, Veneziano, por mais energia e entusiasmo que tenha, andará Paraíba afora como se tivesse pilotando um carro popular na areia da praia.

Só com a ampliação do leque partidário em torno do seu nome Veneziano poderá trocar de motor e acelerar sua corrida rumo às eleições de 2014.

*Artigo publicado na Coluna do Correio da Paraíba, edição do dia 08/10/2013 (terça-feira).
 

Leia Também

error: Conteúdo protegido!