João Pessoa, 21 de outubro de 2017 | --ºC / --ºC Dólar - Euro

ÚltimaHora

Administrador, pós-graduado em Planejamento Operativo, já atuou na administração pública federal, estadual e municipal. Ocupou por três mandatos o cargo de presidente do CRA-PB e de diretor do Conselho Federal de Administração. Diretor Institucional do SINTUR-JP de 1993 a 2016. Consultor em Administração, presentemente exerce as funções de vice-presidente da APCA (Academia Paraibana de Ciência da Administração). Contato: diretorexecutivoaetc@yahoo.com.br

Opiniões do Correio

Comentários:
publicado em 27/12/2013 às 15h08

Atentemos: não é só sobre a opinião do jornal Correio da Paraíba que estamos a nos referir! Reportamo-nos a todas as opiniões nesse jornal veiculadas e que são assinadas por muita gente de muito valor!

Tomemos sobretudo o exemplo dos dias de domingo, como o do domingo 22 de dezembro recente… E nem vamos tratar de colunas específicas, de praticamente todos os dias, como as de Heron Cid, Lena Guimarães, Walter Galvão, Jamarri Nogueira, Carlos Aranha, Pessoa Junior… Referimo-nos só sobre as duas páginas, tituladas de opinião, normalmente as 8 e 9 do lº caderno, nas quais, neste 22 de dezembro, tivemos a feliz oportunidade de lermos: Roberto Cavalcanti, Arquimedes de Castro, Damião Ramos Cavalcanti, Estevam Fernandes, Gilberto Carneiro, Marcos Pires, Eduardo Varandas Araruna e Dom Aldo Pagotto!

Roberto Cavalcanti chamou-nos a atenção de que nossa "cadeia produtiva precisa mais que doutores!". Arquimedes de Castro disse o que Campina Grande queria dizer: "Fica, Souza Neto!". Damião Ramos concitou-nos no sentido de que, para concretizarmos que haja mesmo Natal, devemos permitir que nossas casas, nossos tetos, sejam verdadeiramente aquele abrigo do nascimento de Jesus! Eduardo Varandas Araruna advertiu que "urge uma nova reforma no cristianismo institucional".

Gilberto Carneiro observou que, inobstante os avanços já conseguidos, "fato é que a justiça ainda precisa avançar no aperfeiçoamento da atividade fim com a finalidade de dar vazão a essa enxurrada de processos que se reproduzem a cada instante". José Guerra enfatizou que "No espaço da Fé há lugar para acolher todos os povos". Marcos Pires lembrou a lição do bilionário (Max Levi) que foi ao seu próprio banco pedir 30 dólares emprestados por 25 dias, deixando por garantia sua limosine.

E quanto ao que se reportaram o Pastor Estevam Fernandes (psicólogo e também administrador) e o atuante Dom Aldo Pagotto (Arcebispo da Arquidiocese da Paraíba), não vamos "dar uma palhinha" sequer?!…

Estes dois, em suas mensagens/opiniões do domingo 22 de dezembro no Correio, têm de ser lidos ou relidos na íntegra do que escreveram! Os títulos de seus artigos foram: "Quando o Natal chegar" (Estevam Fernandes) e "Encarnação do Verbo da Vida" (Dom Aldo Pagotto).

Nossa opinião, quer saber? – É a de que o Correio é muito rico pelo acolhimento e veiculação das opiniões de pessoas de tanto valor, como as aqui citadas!

Leia Também