João Pessoa, 21 de setembro de 2017 | --ºC / --ºC Dólar - Euro

ÚltimaHora

Administrador, pós-graduado em Planejamento Operativo, já atuou na administração pública federal, estadual e municipal. Ocupou por três mandatos o cargo de presidente do CRA-PB e de diretor do Conselho Federal de Administração. Diretor Institucional do SINTUR-JP de 1993 a 2016. Consultor em Administração, presentemente exerce as funções de vice-presidente da APCA (Academia Paraibana de Ciência da Administração). Contato: diretorexecutivoaetc@yahoo.com.br

Bayeux e o arraial do Ten. Tourinho

Comentários:
publicado em 16/06/2014 às 14h52

Estes escritos poderiam ter o seguinte título: “Tourinho, de filho para pai”. E assim até deveria ser para bem caracterizar a homenagem que pessoalmente faço ao meu irmão Antonio Tourinho Filho, o segundo mais novo de um total de onze irmãos.

Isto mesmo: somos onze irmãos, sendo seis do primeiro casamento de papai, este com minha mãe Josefinha, e mais cinco do segundo casamento, de papai com outra especialíssima mulher, Joaninha!

Como já antes indicado, peço permissão aos leitores para neste espaço homenagear este meu irmão que tem o nome de meu pai, Antonio de Almeida Tourinho. Pelos familiares é simplesmente e carinhosamente chamado de Tonho. Mas, na cidade de Bayeux, onde ele reside e terra que tanto ele ama e por ela se dedica, só se o conhece como Tourinho… Tourinho Filho.

Todos os filhos obviamente têm um grande e indescritível amor por seus respectivos pais. Mas, a mim parece que aquele filho que recebe o nome do próprio pai, já por isto, como que tivesse uma maior missão de mais honrar esse nome, normalmente expressa com extraordinária intensidade esse amor filial. É o caso, pois, de meu irmão Antonio, que não perde nenhuma oportunidade para sempre exaltar o nome do tenente Tourinho, que há mais de vinte anos está bem ao lado de Deus!

Mas, há uma forma bem especial, todos os anos, de Tourinho Filho expressar esse seu amor, e torná-lo bem público, por seu/nosso pai: é através da festa que anualmente realiza na rua José Dias de Vasconcelos, em Bayeux, por ocasião da passagem dos festejos juninos alusivos a Santo Antonio. E nem precisaria dizer que o aniversário de nascimento de papai (Tourinho pai) é 12 de junho, também Dia dos Namorados!

Entretanto, neste ano, em razão do dia 12 ter sido a data de abertura da Copa do Mundo, o “Arraial do Tenente Tourinho” funcionou, como sempre com várias quadrilhas matutas e muito forró, na sexta-feira e no sábado, respectivamente 13 e 14 de junho corrente. Pense que festa! Imagine que comemoração! Avalie a alegria de toda a família Tourinho, sendo que, sem dúvida, a alegria de Tourinho Filho expressava-se bem maior!

Neste ano Tourinho Filho distribuiu algumas camisas, desta feita em cores amarela e verde para também lembrar nossa Seleção, em que, dentro de uma sanfona, inscreveu: Arraial do Tenente Tourinho. E nas costas dessas camisas, com o nome “Tenente Tourinho”, segue-se o número 98. É que papai, agora em 2014, se estivesse vivo, estaria completando 98 anos de uma vida toda voltada para o bem… o bem para sua família, o bem para com quem com ele convivesse, o bem da comunidade bayeuxense!

Leia Também