João Pessoa, 07 de dezembro de 2018 | --ºC / --ºC Dólar - Euro

ÚltimaHora
neste sábado

PMJP promove ações de combate à Sífilis

Comentários:
publicado em 07/12/2018 às 18h21
Lagoa do Parque Solon de Lucena (Foto: Dayse Euzébio)

A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) de João Pessoa vai promover, neste sábado (8), das 8h às 11h, no Parque da Lagoa, o Dia D de Prevenção e Combate à Sífilis. Durante a atividade, profissionais de saúde disponibilizarão informações sobre prevenção e tratamento da sífilis. A população também terá acesso a serviços como consultas médicas e de enfermagem, testes rápidos, orientações farmacêuticas, auriculoterapia e atividades físicas.

A ação é uma parceria com Ministério Público Federal (MPF), Ministério Público Estadual (MPE), Conselho Regional de Medicina (CRM), Conselho Regional de Enfermagem (Coren), Conselho Regional de Farmácia (CRF) e Secretaria Estadual de Saúde (SES).

Durante a atividade, profissionais de saúde disponibilizarão informações sobre prevenção e tratamento da sífilis. A população também terá acesso a serviços como consultas médicas e de enfermagem, testes rápidos, orientações farmacêuticas, auriculoterapia e atividades físicas.

De acordo com a secretária adjunta de Saúde, Ana Giovana Medeiros, a ação faz parte de um plano integrado de enfrentamento à sífilis, envolvendo várias entidades. “É uma infecção sexualmente transmissível que tem se tornado um problema de saúde pública, mas possui um tratamento simples de fácil cura, desde que seja tratada adequadamente. Por isso, estamos promovendo esta ação de conscientização para a população e o tratamento passará a ser realizado na Atenção Básica”, afirmou.

A partir da próxima segunda-feira (10), a rede municipal de saúde passará a aplicar penicilina para o tratamento da sífilis nas Unidades de Saúde da Família (USF). Para isso, os profissionais passaram por capacitações com as orientações sobre o procedimento operacional padrão. Até então, a aplicação da penicilina para o tratamento da infecção acontecia apenas nas Unidades de Pronto Atendimento (UPA), na Policlínica Municipal do Cristo e no Instituto Cândida Vargas (ICV), para gestantes.

MaisPB

Leia Também