João Pessoa, 02 de outubro de 2018 | --ºC / --ºC Dólar - Euro

ÚltimaHora
Torneio

Real Madrid perde para o CSKA e embola o grupo na Champions

Comentários:
publicado em 02/10/2018 às 20h14
Vlasic comemora gol marcado diante do Real Madrid na Champions League. Getty Images

Mais um jogo sem gols e uma derrota para o Real Madrid na Uefa Champions League.

Nesta terça-feira, os atuais campeões do torneio visitaram o CSKA, viram Toni Kroos falhar nos primeiros minutos da partida, e Vlasic marcar, dando a vitória aos donos da casa por 1 a 0.

Com a derrota, o Real segue com seus três pontos, os mesmos da Roma, que venceu o Viktoria Plzen. Já o CSKA, soma 4 pontos, e é líder do grupo G.

Na próxima rodada, o Real encara o Plzen, enquanto o CSKA faz duelo contra a Roma.

O jogo:

Mal tinham os jogadores se posicionado em campo, e o meia alemão, Toni Kroos, errou passe pelo meio, e entregou para Vlasic se livrar de Varane e abrir o marcador aos 65 segundos de partida.

Buscando a vitória fora de casa, o Real começou a oferecer perigo nas bolas alçadas na área e nas finalizações de longa distância, mas abriu espaço para os contra-ataques dos russos, precisando de Keylor Navas, que foi exigido aos 17 minutos de jogo.

Aos 21, o Real respondeu com jogadaça de Lucas Vazquez e finalizações perigosas do jovem Reguilón e também de Carvajal, mas só foi dar susto ao CSKA aos 27 minutos, quando Casemiro se livrou da marcação e acertou a trave de Akinfeev.

Na reta final da primeira etapa, o técnico Julen Lopetegui resolveu mudar, e colocou Odriozola no lugar de Carvajal. Ambos laterais-direitos, mas com características diferentes.

Segundo tempo:

Na segunda etapa, o Real começou quente, arriscando de fora da área com Asensio e Benzema. Logo aos 56 minutos, o técnico Julen Lopetegui ‘perdeu a paciência’, tirou Lucas Vazquez e Casemiro, para colocar Mariano Díaz e Luka Modric.

Com mais qualidade no passe, o Real passou a circular mais a bola na entrada da área dos russos, mas sem conseguir incomodar dentro da área, voltou a abusar dos ‘chuveirinhos’. O maior susto para o CSKA veio só aos 73 minutos, com finalização perigosíssima de Toni Kroos.

Aos 89 minutos, Mariano Díaz decolou na área, aproveitou cruzamento e carimbou a trave de Akinfeev mais uma vez na partida.

Nos últimos minutos, o time russo posicionou sua retranca, ‘estacionou o ônibus’ na frente de Akinfeev e controlou a partida para sua primeira vitória na competição, e assumir a liderança do grupo.

Ainda houve tempo para o goleiro Akinfeev ser expulso por reclamação após tomar dois cartões amarelos nos acréscimos da partida.

É a primeira vez desde 2006-2007 que o Real passa três jogos seguidos sem balançar as redes.

ESPN

Leia Também