João Pessoa, 27 de setembro de 2018 | --ºC / --ºC Dólar - Euro

ÚltimaHora
APÓS DERROTA NO TRE

Governador volta a criticar atuação do TCE

Comentários:
publicado em 27/09/2018 às 15h38
atualizado em 27/09/2018 às 15h46

O governador Ricardo Coutinho (PSB) defendeu, na manhã desta quinta-feira (27), mudanças nos trâmites para escolha de conselheiros do Tribunal de Contas do Estado da Paraíba (TCE-PB).

A sugestão do socialista acontece após o desembargador e vice-presidente do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-PB), Carlos Beltrão, indeferir Ação de Investigação Judicial Eleitoral (Aije) impetrada pela ‘Coligação A Força do Trabalho’, que tem o PSB à frente, contra suposta manipulação de dados do programa Empreender-PB pelo TCE-PB.

“Não se pode transformar canto nenhum em família. Não é possível. Esse pensamento oligárquico nós já vencemos e vamos vencer novamente”, destacou o socialista.

Para o socialista, o relatório do TCE-PB tinha o objetivo de influenciar as eleições e o caso não pode ser dado como encerrado.

“Foi uma manipulação. Tentaram criar clima para um debate criminalizando o empreender. Isso eu não vou aceitar. Eu tenho que está a altura do cargo que recebi do povo e não de algum parente”, destacou.

Na ação, a coligação encabeçada por João Azevêdo pede que sejam investigados o conselheiro do TCE-PB Fernando Catão, o senador Cássio Cunha Lima e seus suplentes, candidato nas eleições deste ano, o Sistema Correio de Comunicação, jornalistas e blogs.

Roberto Targino e Albemar Santos – MaisPB

Leia Também