João Pessoa, 14 de setembro de 2018 | --ºC / --ºC Dólar - Euro

ÚltimaHora
MAISTV

SPC considera inviável proposta sobre dívidas

Comentários:
publicado em 14/09/2018 às 12h00
atualizado em 15/09/2018 às 09h54

O presidente nacional do Serviço de Proteção ao Crédito, Roque Pellizzaro considerou inviável a proposta dos presidenciáveis Ciro Gomes (PDT) e Fernando Haddad (PT) para retirar consumidores inadimplentes do cadastro. Em entrevista à MaisTV, canal de vídeo do Portal MaisPB, Pellizzaro considerou impossível quitação da dívida dos devedores.

“Quitar dívidas com dinheiro público é impossível. Primeiro, porque não existe dinheiro público para isso e nem é destinado para isso. Esse volume de brasileiros registrados nos birôs de crédito, que passa de 63 milhões, é uma situação que deve ser olhada na sua origem”, afirmou.

Ele acrescentou que o número de inadimplentes começou a subir a partir de 2014, quando o Brasil entrou na mais profunda recessão da história. “A perda de renda e empregou foi o ocasionador do processo. Isso só vai melhorar a partir de melhora no cenário econômico e no mercado de emprego. Não tem outra forma”, arrematou.

Assista:

MaisPB

Leia Também