João Pessoa, 22 de junho de 2018 | --ºC / --ºC Dólar - Euro

ÚltimaHora
procedimento administrativo

Governo da PB investiga acúmulo ilícito de cargos

Comentários:
publicado em 22/06/2018 às 07h48
atualizado em 22/06/2018 às 11h09

A Comissão Estadual de Acumulação de Cargos instaurou uma série de procedimentos para apurar casos em que bombeiros possuem irregularmente mais de um vínculo com o serviço público. As portarias foram instauradas na edição desta sexta-feira do Diário Oficial do Estado.

Os servidores serão notificados e terão o prazo de cinco dias para apresentar defesa administrativa ou optar por um dos vínculos. Em um dos casos, o servidor é bombeiro engajado no Corpo de Bombeiros e possui outros dois vínculos como médico nas Prefeituras de Pilar, João Pessoa, além de um emprego em uma clínica particular.

Também são apuradas acumulação ilícita de cargos por professores e agente penitenciário. Os procedimentos foram instaurados após serem indeferidas as justificativas apresentadas pelos servidores.

MaisPB

Leia Também