João Pessoa, 12 de junho de 2018 | --ºC / --ºC Dólar - Euro

ÚltimaHora
parque do povo

Trauma atendeu 24 vítimas de agulhadas

Comentários:
publicado em 12/06/2018 às 17h45
atualizado em 13/06/2018 às 06h25

O Hospital de Trauma de Campina Grande já atendeu, até o final desta terça-feira (12), 24 pessoas suspeitas de terem sido furadas por agulhas, sendo 23 durante o primeiro final de semana do Maior São João do Mundo, no Parque do Povo e o um no bloco Namoradrilha, realizado no início do mês.

De acordo a assessoria da unidade de saúde, 17 homens e seis mulheres relataram o ferimento. Ele irão passar por novos exames a cada 30 dias para detecção de doenças como AIDS, sífilis e hepatite. A informação é da médica Jacqueline Sampaio, da clínica do hospital.

De acordo com a médica, caso algum exame dê positivo, provavelmente não será uma doença provocada pelas furadas ocorridas no último domingo. Segundo ela, não há tempo suficiente para que o paciente desenvolva a patologia.

“Eles receberão do Trauma um coquetel para fazer um tratamento preventivo por dez dias e depois continuarão o processo por mais 20 dias. Depois eles vão continuar fazendo exames a cada 30 dias até completar o que chamamos de janela imunológica”, destacou.

MaisPB

Leia Também