João Pessoa, 26 de maio de 2017 | --ºC / --ºC 04:30 - 2.6 | 10:41 - 0.0 | 16:58 - 2.6 | 23:00 - 0.1 Dólar 3,26 - Euro 3,64

ÚltimaHora

Administrador, pós-graduado em Planejamento Operativo, já atuou na administração pública federal, estadual e municipal. Ocupou por três mandatos o cargo de presidente do CRA-PB e de diretor do Conselho Federal de Administração. Desde 1993 exerce as funções de Diretor Executivo da AETC-JP. Contato: diretorexecutivoaetc@yahoo.com.br

Ônibus novos para Cabedelo

Comentários:
publicado em 18/12/2014 às 17h48
A- A+

Recentemente foi o sistema de transporte coletivo urbano de João Pessoa que, dentro da política de renovação de sua frota, ganhou nada menos do que 60 novos ônibus novos. Isto mesmo!… e dito assim: “novos ônibus novos”, parecendo uma redundância, que não é. O fato é que nos referimos a ônibus “zero” km… ônibus novos, mesmo!
Pois, bem! Depois de nossa capital, e no âmbito de nossa Região Metropolitana, foi Cabedelo que, a partir da terça-feira, dia 16, passou a ter a frota dos ônibus que a liga com João Pessoa renovada em 10 dos seus 32 veículos, correspondendo obviamente a uma linha intermunicipal, que é gerenciado pelo DER-PB, cujo superintendente é o competente engenheiro e professor Carlos Pereira de Carvalho e Silva.

Como já acima observado, a renovação advinda desses 10 novos ônibus novos significa dizer que praticamente um terço (1/3) da frota está sendo renovada. E um fato como este precisa ser registrado com toda a ênfase pelas várias conseqüências que proporciona:

– Em primeiro lugar representa melhoria na qualidade dos serviços pela maior comodidade e segurança operacional que propicia a cada um dos passageiros. Também se tem a destacar que a frota de ônibus mais nova naturalmente minimiza, deixando a quase 0%, a possibilidade de quebra desses veículos, o que tem a ver com o aspecto de segurança operacional aqui já mencionado. E igualmente não se pode deixar de lembrar que uma frota de ônibus que proporciona maior segurança operacional repercute, na mesma proporção, até na auto-estima da própria população.

A empresa de transporte coletivo que opera essa linha Cabedelo/João Pessoa (e vice-versa) é a Reunidas. É ela, portanto, que colocou em circulação esses 10 (dez) novos ônibus novos, correspondendo, como já dito, a uma renovação de praticamente um terço da frota total, E só os que atuam diretamente nesse setor são os que sabem quão grande é o esforço para um empreendimento nessa dimensão, especialmente em um tempo em que, no Brasil afora, é grande a crise nesse segmento do transporte coletivo de passageiros.

E normalmente esse esforço empreendedor e de responsabilidade sócio-econômica não tem a compreensão que deveria ter, ou seja, quando o ônibus está envelhecido, diz-se que a empresa não tem a devida consideração pelos passageiros; e quando faz a aquisição do novo ônibus (novo), logo há os que insinuam que “essas empresas estão muito ricas!”. É uma falsa idéia. É esforço no empreendedorismo empresarial, cuja maior satisfação (e prêmio) é a de manutenção/geração de empregos!.
 

Leia Também

error: Conteúdo protegido!