João Pessoa, 08 de abril de 2018 | --ºC / --ºC Dólar - Euro

ÚltimaHora
Em entrevista

Jay-Z afirma que precisou de terapia de casal com Beyoncé após traição

Comentários:
publicado em 08/04/2018 às 11h22
atualizado em 08/04/2018 às 11h27
Jay-Z em entrevista a David Letterman (Foto: Reprodução / YouTube)

Jay-Z abriu o coração sobre sua traição e a reação de Beyoncé. Por muito tempo a pergunta “ele traiu ou não traiu?” cercou o relacionamento de Beyoncé e Jay-Z, até que ela lançou o a´lbum “Lemonade”, em 2016, e abordou as lutas do casamento de forma bastante intensa. “Becky with the Good Hair”, uma letra de sucesso do álbum, rapidamente se tornou sinônimo de “a outra mulher” graças à música.

Desde então, Jay-Z abordou seus problemas em “4:44″, e em uma entrevista de novembro de 2017 com o The New York Times, em que ele falou sobre o uso de sua música como uma forma de terapia. “O melhor lugar no furacão é no meio dele”, disse Jay-Z, acrescentando: “Estávamos no olho do furacão. E foi desconfortável. E nós tivemos muitas conversas. [Eu estava] muito orgulhoso da música que ela fez, e ela estava muito orgulhosa do álbum que eu lancei. E no final do dia nós realmente temos um respeito saudável pelo ofício um do outro. Eu acho ela incrível”.

Agora, ele se abriu sobre o drama mais uma vez como convidado no novo programa de David Letterman, ‘My Next Guest Needs No Introduction’. Enquanto eles discutiam a presidência de Trump e a história de sua mãe que se assumiu lésbica, Letterman fez com que ele falasse sobre a infidelidade, abordando a sua própria traição e como ela mudou sua família para sempre.

“Na época, a dor que causei a mim mesmo foi o medo de ter explodido minha família”, disse Letterman a Jay-Z, segundo o The Daily Beast. “Eu nunca conversei com uma pessoa que estava nessa mesma situação. E eu estou querendo saber se isso é familiar para você”.

Jay-Z sabia exatamente do que ele estava falando. “Para muitos de nós, especialmente onde eu cresci e para todos os homens em geral, não tínhamos pistas emocionais quando éramos jovens. Nossa sugestão emocional é ‘seja um homem’, ‘não chore’”, ele disse a Letterman, passando a fazer referência à sua música  ‘Song Cry”, na qual ele fala sobre esse mesmo tópico. “Foi a minha maneira de dizer que quero chorar, quero me abrir, quero ter as ferramentas emocionais necessárias para manter minha família unida”.

“Assim como você, eu tenho uma linda esposa que foi compreensiva e que sabia que eu não era a pior pessoa por causa do que fiz”, Jay-Z continuou, aludindo ao fato de que Beyoncé estava aberta a fazer o casamento funcionar. “Nós fizemos o trabalho duro de ir à terapia”, disse ele. “Nós nos amamos, então nós realmente trabalhamos por anos”. Qual é a relação deles agora? “Eu gosto de acreditar que estamos em um lugar melhor hoje”, disse ele. “Mas ainda estamos trabalhando e nos comunicando e crescendo. E tenho orgulho do pai e do marido que sou hoje por causa de todo o trabalho que foi feito”.

Monet

Leia Também