João Pessoa, 22 de Março de 2018 | --ºC / --ºC Dólar - Euro

ÚltimaHora
DEFESA EM SALA DE AULA

Americano arma filha de 8 anos com revólver

Comentários:
publicado em 22/03/2018 às 19h08
Joshua e Adrianna Foto: Reprodução da internet

Um americano decidiu enfrentar a crescente onda de violência em escolas dos EUA de uma forma polêmica: Joshua Mcdonald, de 26 anos, comprou um revólver calibre 22 para a filha, Adrianna, de 8 anos. O objetivo é que a menina tenha condições de se defender no caso de um ataque à sua escola, em Tilton (New Hampshire, EUA).

Joshua tem levado a filha para praticar tiro todo fim de semana. Em reportagem do “Metro”, o americano afirmou que a menina manipula de forma segura o revólver.

“Recentemente, New Hampshire aprovou uma lei de porte de arma que requer apenas uma simples permissão para manter sua pistola na bolsa. Minha filha já quer pôr a dela na bolsa. Ela fica ansiosa para atirar”, declarou Joshua.

O americano postou fotos em redes sociais mostrando a menina empunhando o revólver com que fora presenteada. A mãe, Kayla, apoia a filha armada em sala de aula.

“Com ataques a tiros se tornando tão comuns nos últimos anos, queremos (ele e a mãe da menina) que ela esteja preparada para se defender da melhor forma possível com uma arma de fogo”, disse o pai, que é contrário à proibição da venda do fuzil AR-15, o amis usado em massacres em escolas amaericanas.

Segundo Joshua, a filha começou a intimidade com armas usando pistolas de ar comprimido. Ele escolheu um revólver 22 por ter um “coice” mais suave. Adrianna agora se prepara para ir caçar com o pai, uma tradição familiar.

Extra

Leia Também