João Pessoa, 14 de março de 2018 | --ºC / --ºC Dólar - Euro

ÚltimaHora
VÍDEO

Manoel Junior: “MDB está em franca extinção”

Comentários:
publicado em 14/03/2018 às 11h18
atualizado em 14/03/2018 às 14h15

O vice-prefeito de João Pessoa, Manoel Junior (MDB), confirmou, na manhã desta quarta-feira (14), pretensão de disputar o Governo do Estado nas eleições de outubro e afirmou que o MDB está em “franca extinção” na Paraíba.

Segundo ele, a pré-candidatura do senador e presidente da sigla, José Maranhão, “irreversível, imutável e que não dialoga” afeta o partido. “Deixa a chapa proporcional fragilizada e se você não tem uma chapa, você deixa o partido vulnerável e fragilizado”, opinou.

Apesar das críticas, ele ressaltou que busca a unidade do partido e preferiu não falar sobre uma possível desfiliação em massa, ameaça feita pelo único vereador do partido na Câmara de João Pessoa, Mangueira. Conforme o parlamentar, membros do diretório da Capital irão se desfiliar caso não haja diálogo com Maranhão.

Questionado se iria “bater chapa” com o senador, Manoel Junior demonstrou já ter jogado a toalha. “No PMDB é difícil uma prévia para avaliar qual a melhor candidatura já que nem a bancada federal nem a estadual conseguiram demover de absolutamente nada, não serei eu e nenhuma prévia que irá demover o senador Maranhão de uma disputa, que é legítima”, avaliou Manoel Jr.

O vice-prefeito ainda ainda insistiu em um projeto da Oposição, que reúna vários partidos. “Se houver um consenso em torno do nosso nome haverei de enfrentar a disputa de cabeça erguida”, afirmou. Sobre uma possível desfiliação do MDB, o vice-prefeito explicou que o assunto será avaliado até o dia 7 de abril.

Veja a entrevista:

MaisPB

MaisPB

Leia Também