João Pessoa, 21 de fevereiro de 2018 | --ºC / --ºC Dólar - Euro

ÚltimaHora
Nova carreira

Aos 63 anos, Rita Cadillac estreia como atriz em série de comédia

Comentários:
publicado em 21/02/2018 às 16h39
atualizado em 21/02/2018 às 16h40
Ela desfilou no último Carnaval pela Grande Rio, no enredo que homenageou Chacrinha (Foto: Agência O Globo)

Acostumada a dar expediente na televisão desde 1976, no extinto Cassino do Chacrinha, até então Rita Cadillac só havia interpretado a si mesma na televisão e também no cinema, quem não se recorda da lendária participação dela no filme Carandiru, de 2003?

Agora a eterna ex-Chacrete estreia como atriz, com uma personagem de ficção na série Me engana que eu gosto.

“Vou fazer uma cigana trambiqueira chamada Eneida. Estou muito ansiosa por esse desafio e tenho me preparado bastante para o papel”, disse ela sobre o humorístico, que será ambientado no centro velho de São Paulo.

“Acho que fazer comédia deve ser mais fácil do que drama. Mas quero me preparar para papéis mais densos também”, afirmou.

O roteiro da série é assinado por Julio Kadetti, assistente de Aguinaldo Silva. No programa, Rita dividirá a cena com os experientes atores Arlete Montenegro e Milton Levy.

“O programa narrará problemas do cotidiano das ruas da cidade, muitas vezes hilários e até patéticos, por meio de personagens centrais e periféricos”, explicou ela.

Rita sonha em abraçar de vez a nova carreira e quer outros convites para atuar. “Sonho em fazer uma novela. Estou aberta para todas as possibilidades possíveis na minha vida profissional”, afirmou. Prestes a completar 64 anos, a ex-Chacrete garante não ter problemas com a chegada da idade.

“Nunca tive crise por causa do passar do tempo. Não tenho nenhum arrependimento na vida e me cuido para envelhecer bem. Os 70 são os novos 40 e eu vou chegar lá bem, usando short curtinho e tênis”, divertiu-se.

Época

Leia Também