João Pessoa, 10 de dezembro de 2017 | --ºC / --ºC Dólar - Euro

ÚltimaHora
RÁDIO VERDADE

Presidente do TJ não vê ‘exagero de gastos’

Comentários:
publicado em 06/12/2017 às 14h37
atualizado em 06/12/2017 às 16h50

O presidente do Tribunal de Justiça da Paraíba, Joás de Brito, afirmou que não há exagero de gastos no judiciário paraibano. Conforme o magistrado, várias medidas foram adotadas para reduzir despesas e ampliar a transparência, o que rendeu ao tribunal o selo ouro.

Brito reforça que o tribunal paraibano é um dos mais enxutos do país. Segundo ele, todas as verbas estão disponíveis para consulta no portal da transparência. “Não há exageros no Judiciário”, afirmou.

Priorizar a transparência segue uma diretriz do Conselho Nacional de Justiça (CNJ). O presidente destaca que o TJPB reduziu pagamento de horas extras, passagens aéreas e diárias.

“O CNJ disse que eu não poderia limitar então baixei um ato exigindo pré autorização para concessão das diárias. Isso é controle orçamentário”, justificou.

Redução de Comarcas

Projeto interno que tem causado polêmica, a redução de Comarcas na Paraíba deve ser apreciada pelo Pleno do TJPB nas próximas semanas. A proposta do presidente causou reação nos municípios que serão afetados.

“Eu preciso da aprovação dos meu pares. O Pleno é que irá decidir sobre isso”, afirmou ao Rádio Verdade, da Arapuan FM.

MaisPB

Leia Também