João Pessoa, 15 de outubro de 2017 | --ºC / --ºC Dólar - Euro

ÚltimaHora
SURF

Gabriel Medina é tricampeão em Hossegor e volta a brigar pelo título

Comentários:
publicado em 15/10/2017 às 09h38
atualizado em 15/10/2017 às 09h39
(Foto: WSL)

Nunca na história do surfe um brasileiro se sentiu tão em casa na França como Gabriel Medina. Neste sábado, o paulista faturou o seu tricampeonato pessoal na etapa de Hossegor ao bater o havaiano Sebastian Zietz na final. Vencedor do evento em 2011 e 2015, Medina afirmou que “se sente em casa” em Hossegor, uma vez que a onda do balneário francês é muito parecida com Maresias, onde vive com a família.

“É sempre um prazer vir surfar na França. Adoro esse tipo de beach break. Aqui tenho ondas parecidas com as que tenho em casa (Maresias). A França sempre me trouxe alegrias, é a minha terceira vitória aqui e eu estou muito feliz”, disse o campeão mundial de 2014.

Gabriel Medina agora volta as suas atenções para a nona etapa do Circuito Mundial, que acontece de 20 a 31 de outubro em Peniche, Portugal. Com 40,750 pontos, o paulista de Maresias ocupa a terceira colocação do ranking, atrás de John John Florence (49,900) e Jordy Smith (47,600).

“Estou me sentindo muito bem para brigar pelo título mundial. Agora é pensar em Portugal, onde tudo recomeçará do zero. Então, teremos que voltar a dar o nosso melhor e pedir a Deus para que tudo dê certo mais uma vez”, finalizou.

O Mundial de surfe será decidido nas duas próximas etapas. Depois de Portugal, o Circuito chega ao Havaí, onde acontece o tradicional Pipe Masters, de 8 a 20 de dezembro. John John Florence segue como o favorito ao bicampeonato e precisa de apenas um bom resultado nas duas últimas etapas para garantir a taça ou até mesmo a queda precoce dos rivais pode garantir seu título.

Globo Esporte

Leia Também