João Pessoa, 05 de outubro de 2017 | --ºC / --ºC Dólar - Euro

ÚltimaHora
Corte no Orçamento

Gervásio: Ricardo não deixará Poderes ‘descobertos’

Comentários:
publicado em 05/10/2017 às 12h42
atualizado em 05/10/2017 às 14h59

O presidente da Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB), deputado Gervásio Maia (PSB) confirmou nesta quinta-feira (05) que o Orçamento do Governo do Estado encaminhado à AL tem redução de verba para os poderes Legislativo e Judiciário. “Eu não perco uma noite de sono com relação a isso, porque eu sei que o governador tem total sensibilidade, sabe da importância dos três poderes e (o dinheiro) não vai faltar, a não ser que a crise aumente mais do que já avançou. Eu realmente não me preocupo”, defendeu.

Maia lembra que a redução já era esperada e foi acordada ainda na gestão de Ricardo Marcelo na presidência da AL. “Foi um acordo que foi celebrado ainda na presidência do deputado Ricardo Marcelo, no encontro denominado de encontro inter-poderes. Houve um acordo de congelamento do duodécimos”.

“Numa das reuniões que nós tivemos o governador foi muito claro e muito enfático. Disse que não faltou nada aos poderes. As solicitações que foram feitas, mesmo de ordem financeira, o Poder Executivo, ainda que diante das dificuldades, atendeu na sua plenitude. O poder Executivo, o governador, tem percebido as dificuldades, tem feito cortes para honrar os compromissos. As obras estruturantes acontecem numa velocidade muito importante”.

O presidente do Tribunal de Justiça, Joás de Brito devido a redução de R$ 36 milhões no Orçamento do Tribunal resolveu  desativar as comarcas alegando que o orçamento não chega.

Até o momento, a AL deve ter uma redução do repasse em cerca de R$ 7,2 milhões. Questionado se houve mesmo essa redução, Gervásio disse: “Nós ainda estamos verificando esses detalhes, mas uma coisa posso assegurar, que mesmo diante da crise a AL vai conseguir cumprir com seus compromissos. E, se Deus quiser, em dia.

Assista Vídeo:

Paulo Dantas e Bruno Lira – MaisPB

Leia Também