João Pessoa, 18 de novembro de 2017 | --ºC / --ºC Dólar - Euro

ÚltimaHora
diário oficial

Publicação do TJ se inspira em Mussum: ‘Cacilds’

Comentários:
publicado em 19/04/2017 às 09h06
atualizado em 19/04/2017 às 10h52

Uma decisão da Vara Única de Pilões, publicada no Diário Oficial da Justiça dessa terça-feira (18), chamou atenção de quem leu o material.

No despacho, referente a um processo Cível e do Trabalho, alguns nomes estranhos levantaram a curiosidade.

Confira o trecho:

“AYESA CALIOPE BESERRA FRAGÔSO MUSSUM IPSUM, CACILDS VIDIS LITRO ABERTIS. PAISIS, FILHIS, ESPIRITIS SANTIS. MAURIS NEC DOLOR IN EROS COMMODO TEMPOR. AENEAN ALIQUAM MOLESTIE LEO, VITAE IACULIS NISL. LEITE DE CAPIVARIS, LEITE DE MULA MANQUIS. TODO MUNDO VÊ OS PORRIS QUE EU TOMO, MAS NINGUÉM VÊ OS TOMBIS QUE EU LEVO! A ORDEM DOS TRATORES NÃO ALTERA O PÃO DURIS CASAMENTISS FAIZ MALANDRIS SE PIRULITÁ. SI U MUNDO TÁ MUITO PARADIS? TOMA UM MÉ QUE O MUNDO VAI GIRARZIS! NULLAM VOLUTPAT RISUS NEC LEO COMMODO, UT INTERDUM DIAM LAOREET. SED NON CONSEQUAT ODIO. PRAESENT MALESUADA URNA NISI, QUIS VOLUTPAT ERAT HENDRERIT NON. NAM VULPUTATE DAPIBUS. MÉ FAIZ ELEMENTUM GIRARZIS, NISI EROS VERMEIO. QUEM NUM GOSTI DI MUM QUE VAI CAÇÁ SUA TURMIS! INTERAGI NO MÉ, CURSUS QUIS, VEHICULA AC NISI. MANDUMA PINDURETA QUIUM DIA NOIS PAGA. COPO FURADIS É DISCULPA DE BEBADIS, ARCU QUAM EUISMOD MAGNA. EM PÉ SEM CAIR, DEITADO SEM DORMIR, SENTADO SEM COCHILAR E FAZENDO POSE. VEHICULA NON. UT SED EX EROS. VIVAMUS SIT AMET NIBH NON TELLUS TRISTIQUE”

MaisPB

Leia Também