João Pessoa, 19 de novembro de 2017 | --ºC / --ºC Dólar - Euro

ÚltimaHora
PAUTA ADMINISTRATIVA

Dissidente do PMDB quer reunião com Ricardo Coutinho para superar arestas

Comentários:
publicado em 13/01/2015 às 10h23

O prefeito de Sousa, André Gadelha (PMDB), revelou, nesta segunda-feira (12), que nos próximos dias pretende solicitar uma audiência ao governador Ricardo Coutinho (PSB) para tratar assuntos referentes administração municipal. Segundo ele, a cidade não pode ficar de fora dos convênios do Governo do Estado.

Apesar de ser do PMDB, André não seguiu o partido no segundo turno das eleições estaduais de 2014, quando a sigla anunciou apoio ao projeto de reeleição do governador Ricardo Coutinho. No entanto, o prefeito ressalta que as diferenças políticas devem ser superadas em prol do desenvolvimento dos municípios paraibanos.

“Vou buscar parceria. Até por que essa briga política não leva a cidade de Sousa a lugar nenhum. Espero que o Governo reeleito tenha uma visão diferente pra esses próximos quatro anos para uma idade que vai precisar de ajuda do Governo do Estado”, argumentou.

Para André Gadelha, o município de Sousa é maior do que todos os problemas políticos locais e estaduais, por isso é necessário esquecer arestas pessoais, e focar no campo administrativo para o crescimento da cidade.

“Sousa precisa de parcerias e de convênios estaduais. Vamos buscar. Nós temos um gargalo que é o dinheiro do calçadão. Esse dinheiro está na conta. Temos uma queda de braço que não leva nada: Daesa e Cagepa. Nós temos uma Escola no Mutirão que precisa ser concluída. Isso eu vou buscar logo agora neste primeiro semestre para que o Governo do Estado olhe melhor para a cidade de Sousa”, concluiu.

MaisPB

Leia Também