10 de dezembro de 2016 - 15:28

última hora
28/11/2016 às 09h30 • atualizado em 28/11/2016 às 09h31

Presidente da Câmara fixa prazo de 90 dias para prefeito eleito ajustar gestão

Para o presidente da Câmara de Vereadores de Santa Rita, advogado Anésio Miranda (PSB), o prefeito eleito do município, médico Emerson Panta (PSDB), terá como resolver os principais problemas que afetam o bem-estar da população em, até, 90 dias, caso ele venha a ser diplomado e empossado no cargo, de acordo com o ordenamento jurídico vigente.

Anésio Miranda ressalta que o volume de recursos financeiros aportado, mês a mês, pela Prefeitura do município, é o que assegura a solução desses problemas no prazo por ele estipulado. Ele ressalva, porém, que o gestor – seja ele quem for – não precisará traçar planos mirabolantes de trabalho, para o município, aliás, reparadas as dificuldades por que passam o país, os estados e a municipalidade, nos últimos tempos, mas, sim, basta que se volte, em atenções redobradas, para os serviços básicos que se prestam à população, como a assistência à saúde, com profissionais e medicamentos; a limpeza pública, sem solução de continuidade, incluindo-se as praças e logradouros da cidade; o fornecimento, de igual forma, da merenda escolar; e o pagamento, em dia, dos salários do funcionalismo público.

Feito isso, e sobrando qualquer quantitativo monetário, segundo entende o vereador, então o gestor poderá pensar na realização de obras estruturantes, garantindo contrapartidas que permitam a Prefeitura lutar pela aquisição de verbas governo federal, via emendas orçamentárias. “A população já se daria por satisfeita, caso apenas isso viesse a ocorrer”, pondera o vereador, destacando o senso de simplicidade dos santarritenses.

MaisPB