04 de dezembro de 2016 - 23:23

última hora
19/11/2016 às 14h45

Janot pede inclusão de delação de lobista em inquérito sobre Aécio

AÉCIO

O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, solicitou ao Supremo Tribunal Federal (STF) a inclusão da delação do lobista Fernando Moura em inquérito que investiga o senador Aécio Neves por suposto envolvimento em atividades irregulares em Furnas.

De acordo com o G1, o delator teria dito em fevereiro ao juiz federal Sergio Mora que soube de uma divisão de propina proveniente da estatal entre o PT e o senador tucano. Aécio também seria responsável pela indicação de um nome para a diretoria da Petrobras. O nome indicado por ele teria sido recusado por ele já ter sido contemplado com um indicação na diretoria de Furnas, de acordo com a versão do delator.

A assessoria do senador afirmou, à época, que o depoimento de Moura era “absurdo” e uma tentativa de vinculá-lo às investigações da Lava Jato.

No pedido encaminhado ao ministro Gilmar Mendes, relator do inquérito, Janot pede mais 60 dias para a Polícia Federal fazer a coleta de provas e também requer a inclusão do depoimento, concedido a Moro em fevereiro. Mendes ainda não analisou os pedidos.

MSN