05 de dezembro de 2016 - 15:38

última hora
18/11/2016 às 16h14

Caixa Econômica bloqueia FPM de Campina Grande

campina-grande

Uma parcela do Fundo de Participação dos Municípios (FPM) de Campina Grande deste mês de novembro, na ordem de R$ 1,3 milhão, voltou a ser bloqueada pela Caixa Econômica Federal. De acordo com o Coordenação de Comunicação da Prefeitura, o bloqueio é decorrente do pagamento de parcela de um empréstimo no valor de 6 milhões de dólares do Programa Nacional de Apoio à Gestão Administrativa e Fiscal dos Municípios Brasileiros (PNAFM).

O secretário de Finanças, Joab Pacheco, lamentou o bloqueio e criticou a contratação do empréstimo em 2008 que, segundo ele, nunca teve uma só parcela quitada pela gestão anterior. “Dinheiro jogado fora”, resume Pacheco.

Apesar de firmado em 2008, o pagamento da primeira parcela, no valor fixo de 440 mil dólares, de fato só veio ocorrer em março de 2013 – logo no início da atual gestão da Prefeitura, segundo Joab Pacheco.

Desde então, a cada seis meses, a Secretaria de Finanças é obrigada a reservar um volume de recursos para quitar o débito.Até o momento, a atual gestão pagou o montante de 2,3 milhões de dólares do compromisso, restando ainda 3,8 milhões de dólares “por um investimento inócuo para a administração pública, da forma como foi implantado”.

MaisPB com Codecom