João Pessoa, 21 de setembro de 2017 | --ºC / --ºC Dólar - Euro

ÚltimaHora
futebol

Carrasco do Belo foi oferecido ao clube antes do Boa na Série C

Comentários:
publicado em 13/10/2016 às 15h09
atualizado em 13/10/2016 às 15h58
Genesis se destacou no Altos-PI antes de seguir para o Boa-MG
⁠⁠⁠Entrevistado no programa Jogada RPN, da Rede Paraibana de Notícias, o diretor executivo de futebol do Botafogo-PB, Giovane Martineli, revelou que o atacante Genesis, carrasco do Belo nas quartas de final da Série C do Campeonato Brasileiro, foi oferecido ao clube antes de acertar sua ida para o Boa Esporte-MG.
“O Gênesis ofereceram para a gente no mesmo momento que foi oferecido o Rafael Oliveira. Era um atleta que se destacou no Althos-PI e outro que foi artilheiro e ídolo da torcida. Optamos pelo segundo. Tentamos trazer o Fabinho, que está no Vila Nova-GO, mas ele não quis sair. Tentamos o Rodolfo, que foi para o Boa Esporte-MG. O Eliandro (Guarani), o Samúdio (Boa), nós também procuramos”, contou.
O dirigente, que aguarda definição do clube para saber se continuará na função, contudo, defendeu os homens de frente do Belo, destacando o trabalho tático feito pelos jogadores.
“O torcedor cobra a falta de gols, mas tem vários fatores que influenciam. O jogador mais sacrificado na nossa equipe, pelo jeito que a equipe trabalhava, era o Carlinhos. Ele era muito exigido, tinha jogo no primeiro semestre que ele passava mal. Nosso atacante de lado tem que correr o tempo inteiro marcando o lateral, então há um desgaste muito grande”, disse.
“Tivemos no começo do ano o Daniel Cruz. Ninguém gostava dele, foi titular pelo Boa e conseguiu o acesso. O Pingo a mesma situação, foi para o Confiança e fez um bom jogo contra a gente. O Carlinhos tem um potencial muito grande, é um jogador que tem qualidade, foi observado por dois anos pelo Coritiba. O Danielzinho jogou um pouco abaixo, mas ele é ídolo do São Caetano, do São Bernardo, jogou Champions League pelo Chipre. Infelizmente não teve o rendimento que a gente esperava”, acrescentou.
A diretoria do Botafogo-PB já iniciou conversas para renovar com o treinador Itamar Schulle e sua comissão técnica, além de parte dos atletas, já como parte do planejamento para 2017.
MaisPB

Leia Também