21 de janeiro de 2017 - 07:46

última hora
08/10/2016 às 17h45 • atualizado em 08/10/2016 às 20h55

Duas pessoas são presas em JP por comprar empresa e não pagar

A Polícia Civil da Paraíba prendeu, na tarde deste sábado (8), dois homens acusados de praticar golpes no comércio de João Pessoa.

De acordo com o titular da Delegacia de Defraudações e Falsificações, Lucas Sá, os criminosos já teriam causado um prejuízo de R$ 200 mil e uma da vítimas foi  o dono de uma loja de materiais de construção do bairro de Mangabeira, Zona Sul da Capital, que repassou o empreendimento por  R$ 30 mil aos golpistas para re receber o dinheiro dentro de um prazo de 45 dias, mas que o mesmo não ocorreu.

Os golpistas, além de  não repassaram o dinheiro no prazo, compraram cerca de R$ 53 mil usando o CNPJ da empresa e roubaram diversos  objetos da loja, além de um talão de cheques em branco.

Os suspeitos, sendo um homem de 21 anos e outro de 28 na os foram presos nos bairros do Geisel  e  Bessa, respectivamente.  O primeiro confessou participação no crime e a polícia acredita que ele tenha sido o responsável pelos cheques utilizados na negociação.

Já o segundo seria o responsável por apresentar os pretensos compradores à vítima e também atuou como gerente da loja durante os dias em que os suspeitos comandaram a administração da empresa.

Com os acusados a  polícia apreendeu um veículo Audi A4, com placas de Pernambuco e sem documentação.

Pai e filhos ainda estão sendo procurados pela policia.

MaisPB

Mais Lidas