João Pessoa, 22 de novembro de 2017 | --ºC / --ºC Dólar - Euro

ÚltimaHora

Jornalista desde 1995 pela UFPB, com pós-graduação em Jornalismo Cultural. Radialista, marido de Gi, pai de Theo e editor setorial no jornal Correio da Paraíba. Torcedor do Flamengo e ex-professor do curso de Jornalismo na FFM. Já trabalhou, também, nos jornais A União e O Norte, no portal Tambaú 247, além das rádios Cabo Branco FM, Jovem Pan AM e CBN, sendo freelancer dos jornais O Globo e Estado de S.Paulo. Contato com a Coluna: jamarrinogueira@gmail.com

Crocodilando

Comentários:
publicado em 11/07/2016 às 18h21

Gosto e – caetanicamente – respeito muito minhas lágrimas… Tenho medo dos que não choram, mas temo ainda mais aqueles que fingem chorar. Lágrimas carecem de pureza de sentimento… E, claro, não estão ligadas apenas à tristeza. Sabemos todos que há lágrimas de alegria e mesmo lágrimas de ódio.

Fiquei chocado com os olhos marejados daquele político (que é o malvado favorito de muitos), que chorou ao anunciar sua renúncia ao cargo. Renunciou após um acordão, apenas para protelar seu julgamento (que pode levá-lo ao impeachment). Permanece parlamentar e – para lamentar! – permanece maquinando…

Quando o crocodilo está digerindo um animal, o céu da boca do réptil comprime suas glândulas lacrimais. Assim, enquanto ele devora a vítima, caem lágrimas de seus olhos. Vem daí a expressão popular, que faz alusão à falsa piedade ou à falsa tristeza. Fingimento. Atitude fake. Atores e poetas (e um ou outro Pessoa) mentem porque podem mentir. Políticos até podem. Mas, não deveriam.

Crocodilando a literatura

Um conto de Machado de Assis me faz lembrar que Alexandre Dumas classificou o dilúvio como uma lágrima de Deus. Muitas divindades entendem bastante de justiça seletiva… Penso que muitos de nós somos devorados por crocodilos, como aquele de Fiódor Dostoiévski. Algumas vezes, porque fomos por eles seduzidos e enganados. Mas, outras vezes somos devorados vivos porque assim o desejamos…

Crocodilando feliz

Nova música de trabalho da cantora e compositora paraibana Val Donato mostra que a artista está em nova fase de sua carreira. Mais madura e mais profissional. O clipe da música ‘Lágrimas de Crocodilo’ está rolando na Internet. Vale a pena!

Leia Também