João Pessoa, 18 de novembro de 2017 | --ºC / --ºC Dólar - Euro

ÚltimaHora
ATÉ SEGUNDA-FEIRA

Caçar e comercializar caranguejo-uça na PB dará multa de R$ 100 mil e detenção

Comentários:
publicado em 21/01/2015 às 18h30

No período que vai desta quarta-feira (21) até a próxima segunda-feira (26), caça e a comercialização do caranguejo-uçá está proibida na Paraíba.
Quem desobedecer determinações do Instituto Brasileiro de Recursos Naturais e Meio Ambiente (Ibama) pode pagar multa que vai de R$ 700 até R$ 100 mil e pena de um a três anos de detenção por crime ambiental.

De acordo com o tenente Wellington Aragão, chefe do Setor de Planejamento Estratégico do Batalhão Ambiental da Polícia Militar da Paraíba, a proibição da captura se dá por causa do período de andada do caranguejo-uçá, quando a espécie sai das galerias para acasalamento e liberação de ovos.

As fiscalizações ocorrerão em áreas de mangue, bares, restaurantes e feiras livres de João Pessoa e Região Metropolitana.
No primeiro período, entre 6 a 11 de janeiro, foram capturados 2.350 animais.

Períodos de proibição – O período em que fica proibida a captura do caranguejo-uçá é fracionado: de 6 a 11 e de 21 a 26 de janeiro; de 4 a 9 e de 19 a 24 de fevereiro; e de 6 a 11 e de 21 a 26 de março. Além da Paraíba, foram incluídos na Instrução Normativa do Ibama os estados de Pernambuco, Rio Grande do Norte, Alagoas, Sergipe, Bahia, Piauí, Ceará e Maranhão, no Nordeste; e o Pará, no Norte do País.

MaisPB

Leia Também