João Pessoa, 20 de novembro de 2017 | --ºC / --ºC Dólar - Euro

ÚltimaHora

Jornalista desde 2007 pela UFPB. Filho de Marizópolis, Sertão da Paraíba. Colunista, apresentador de rádio e TV. Contato com a Coluna: heroncid@gmail.com

Agra: o síndico

Comentários:
publicado em 03/12/2010 às 15h11

Basta uma conversa um pouco mais demorada com o prefeito de João Pessoa, Luciano Agra, para facilmente perceber que a Oposição terá muita dificuldade para construir um discurso contra o arquiteto.

Discreto e tímido no perfil pessoal, mas preparado e extremamente técnico na gestão pública, Agra vai aos poucos conquistando simpatizantes e consequentemente potenciais eleitores.

O prefeito de João Pessoa não tem precisado de alarde para fazer a população enxergar um governo operoso e equilibrado com obras importantes em setores essenciais da cidade.

Agra é consciente de suas limitações políticas. Ele é consciente que precisa ter um pouco mais de traquejo, presença cênica e outros atributos essenciais para quem se prepara para um embate eleitoral direto.

Conseguiu estabelecer uma relação respeitosa com a Câmara, estancou zonas de atrito da gestão com a sociedade e governa respirando ar de tranquilidade.

Instigado por jornalistas, não se furta a responder perguntas de qualquer ordem, até aquelas aparentemente incômodas, como as relacionadas a própria saúde, alvo de muitas especulações.

Luciano conta ao seu favor com uma mudança do eleitorado na capital paraibana. O pessoense hoje não se encanta pelo "carisma" e popularidade dos políticos. O que mais conta hoje é a capacidade administrativa.

O eleitor de João Pessoa vê hoje a cidade como um condomínio, que precisa ser cuidado e bem administrado. Agra se apresenta como um síndico que já tem cumprido essa tarefa com êxito técnico e consequente aprovação dos condôminos-cidadãos.

Quer disputar a reeleição e com todo o direito. Se continuar nessa pisada, tem tudo para ser a Dilma Roussef de Ricardo Coutinho.

Revelações – No próximo domingo, o MaisPB divulga entrevista exclusiva com o prefeito de João Pessoa, Luciano Agra. Em uma hora de conversa, ele revela momentos de angústia e superação na campanha deste ano.

Emoção – Em determinada pergunta, Luciano Agra teve que voltar aos tempos da Universidade Federal da Paraíba. Antes da resposta, embargou a voz ao lembrar do passado.

Perdão – Na entrevista ao MaisPB, o prefeito mostrou que tem um estilo parecido com seu velho amigo de longas estradas Ricardo Coutinho. Agra disse que alguns ex-aliados cometeram erros imperdoáveis nessa campanha.