João Pessoa, 13 de dezembro de 2017 | --ºC / --ºC Dólar - Euro

ÚltimaHora
ELEIÇÕES 2014

Na TV, Marina Silva diz que não rebaterá ataques de Dilma Rousseff

Comentários:
publicado em 04/09/2014 às 15h40

 Marina Silva (PSB) usou seu programa eleitoral na televisão nesta quinta-feira para afirmar que não responderá os ataques da campanha da presidente-candidata Dilma Rousseff (PT), que a comparou nesta semana a Fernando Collor de Melo e Jânio Quadros. “Não vou desperdiçar meu tempo com ataques como fazem os meus adversários”. Marina dedicou o programa desta quarta à área da saúde e exibiu depoimentos da classe médica em apoio à sua candidatura, gravados ontem na Faculdade de Medicina da USP, em São Paulo

Dilma abordou o tema da educação. Sem citar nominalmente Marina, a campanha afirmou que a adversária não dará prioridade ao pré-sal se for eleita – repetindo o discurso usado por Dilma em debates contra Marina. "Ser contra o pré-sal é ser contra o futuro do Brasil”, disse a locutora. Ao mesmo tempo em que o programa de Dilma era exibido na TV, o Twitter oficial do PT atacou: “É hora do Brasil todo se unir para defender o pré-sal porque ele é o nosso passaporte para o futuro. Muito diferente de certa candidata que não quer dar prioridade à exploração do pré-sal. Isso seria sacrificar o futuro da educação e do Brasil”.

O tucano Aécio Neves falou sobre saúde e prometeu melhorias em atendimentos especializados. O recado contra Marina ficou para a fala final: “É preciso um novo jeito de governar para planejar mais e improvisar menos”.

Veja 

Leia Também