João Pessoa, 19 de setembro de 2017 | --ºC / --ºC Dólar - Euro

ÚltimaHora

Administrador, pós-graduado em Planejamento Operativo, já atuou na administração pública federal, estadual e municipal. Ocupou por três mandatos o cargo de presidente do CRA-PB e de diretor do Conselho Federal de Administração. Diretor Institucional do SINTUR-JP de 1993 a 2016. Consultor em Administração, presentemente exerce as funções de vice-presidente da APCA (Academia Paraibana de Ciência da Administração). Contato: diretorexecutivoaetc@yahoo.com.br

JP e PB premiadas: orgulhemo-nos!

Comentários:
publicado em 26/01/2011 às 17h46
A- A+

É normal que todos os pessoenses (os de nascimento e os que adotaram João Pessoa para morar) reivindiquem e reclamem melhorias para cada setor cujas condições de atendimento e/ou funcionamento estejam a desejar. Comportamento assim é mais uma característica não só do exercício da cidadania, mas, também, do amor que se tem pela cidade!

Este amor pela cidade, entretanto, incita-nos que nos orgulhemos das coisas boas que envolvem e projetam a capital paraibana como uma referência positiva no contexto nordestino e nacional, seja a beleza de suas praias, sejam suas antigas Igrejas como a São Francisco, seja a pujança arquitetônica da Estação Ciência, seja, também, a qualidade do transporte coletivo urbano, etc.

Quando, vez por outra, aqui ou ali há uma notícia sobre a boa qualidade do transporte coletivo urbano de João Pessoa e seu reconhecimento como tal em todas as reuniões, seminários ou congressos do setor que se realizem pelo país afora, alguns poucos – que parecem não ter amor pela cidade – contrariam-se e insistem em divulgar suas opiniões segundo as quais esse fato não passaria de uma propaganda enganosa. E propaganda enganosa absolutamente não é! É fato muitíssimo real! Quem duvidar busque informações reais sobre as demais 26 capitais brasileiras (e não somente sobre umas outras quatro que, como nós, estão muito bem atendidas) e confronte o que temos em João Pessoa em termos de qualidade da frota, freqüência das viagens (aqui são quase cinco mil por dia) e modicidade tarifária!…

Desta feita, porém, nesta nossa manifestação de orgulho pelas tantas coisas boas que João Pessoa tem, move-nos ressaltar a premiação em 2º e 3º lugares, no âmbito do Nordeste, que o transporte coletivo urbano de João Pessoa obteve dia 21 deste mês de janeiro em Natal/RN, através, respectivamente, das empresas Santa Maria e Reunidas pelo bom desempenho dentro do Prêmio Despoluir – Programa Ambiental do Transporte – categoria “transporte urbano”, cujo objetivo é a redução da emissão de poluentes pelos veículos. Esse programa é da CNT – Confederação Nacional dos Transportes, e aqui no Nordeste é executado pela Fetronor – Federação das Empresas de Transporte de Passageiros do Nordeste. E através desse programa os ônibus do transporte coletivo de passageiros são periodicamente aferidos quanto à emissão de poluentes, para reduzir a poluição e o consumo de combustíveis.

E para que não se diga que este comentário é propaganda enganosa, devemos informar que o 1º lugar do Despoluir, nessa premiação acontecida dia 21 em Natal,, ficou com a empresa CRT, da cidade do Recife, e que na edição anterior a campeã foi a Transnacional, daqui de João Pessoa, que, agora, ficou entre as cinco primeiras, sendo que só os três primeiros lugares são premiados.

Este fato, pessoenses, é ou não é motivo de orgulho?!…

Permita-nos dizer ainda que no “transporte rodoviário” (intermunicipal e/ou interestadual) a Paraíba também teve importante participação: através das empresas São José (de Campina Grande) e Rio Tinto (com sede em Bayeux) ficamos com os 2º e 3º lugares, cabendo à empresa Real Alagoas (do Estado de Alagoas) o 1º lugar. E como nesse Prêmio há também a categoria “transporte metropolitano”, significa que entre as nove empresas vencedores (três por categoria) a Paraíba teve quatro (Santa Maria, Reunidas, São José e Rio Tinto). Este detalhe também é mais um motivo de regozijo para pessoenses e, de modo geral, paraibanos! E certamente os que de forma verdadeira amam João Pessoa e a Paraíba pensam e se sentem assim!